Saturday, April 8, 2017

As horas boas as horas más ...

A hora do dia que mais gosto,
é a hora do dia em que o dia é bom.

A hora do dia que menos gosto,
é a hora do dia em que o dia bom já passou.

E entre as horas boas que foram
e as outras horas que hão-de vir
todos os dias são o que são,
muitas vezes vazios e inquietos
outras vezes sofregamente desejosos
pelas horas boas que ainda nos faltam sentir.

E se às vezes aceitamos o incerto pelo certo,
é só porque o certo sem o incerto,
é a ausência da certeza que faz do certo,
simplesmente certo

Nas horas boas e nas horas más...

P.RestLessMindx (2017)

Finitude...

The fragility and the disease when it happens to whom we like, paradoxically, instead of approaching sometimes simply distances us ... But...