Saturday, April 29, 2017

O Regresso...

Na nossa memória regressamos sempre às pessoas que amámos e aos sítios onde fomos felizes.
Num certo sentido, paramos o tempo, como se o tempo que passou não fosse ele mesmo a nossa memória.
É quase como se nesse regresso, desejássemos nunca ter partido.

P.RestLessMindx (2017)

Finitude...

The fragility and the disease when it happens to whom we like, paradoxically, instead of approaching sometimes simply distances us ... But...